11 de abril de 2011

O Tenebroso Tártaro - Sarah Micucci


Na mitologia, o inferno é chamado de submundo. O TÁRTARO, por sua vez, é o abismo do submundo. É um lugar sombrio, totalmente cercado por um muro de bronze e, sem saída. É de dar arrepios. É, na verdade, o depósito dos desgraçados. É, também, o local onde os TITÃS brutamontes foram confinados, depois que perderam a guerra de titãs. Ordens de ZEUS.


No TÁRTARO só existe noite. Não existe luz, quer dizer, é cem por cento trevas. Há uma névoa constante nesse lugar. Estilo filme de Drácula. Bolor também faz parte do cenário. Quem caísse nesse abismo gigantesco, levava mais de um ano, caindo, para atingir o solo. Caindo e sendo chacoalhado por tufões contínuos. Deveras assustador. Até os deuses imortais aterrorizavam-se com ele.


O CAOS mora no TÁRTARO. A NOITE, NYX, e seus dezoito filhos, também. Por sinal, a casa da noite destaca-se por ali. É uma casa elevada e coberta de nuvens escuras. Em frente ao TÁRTARO você tem duas visões: a primeira é a do TITÃ ATLAS. Coitado. Ele é aquele deus azarado que carrega o CÉU nas costas. Do TÁRTARO você o vê segurando, incansavelmente, o CÉU. Isso foi um castigo de ZEUS. Merecido, diga-se de passagem. A sengunda visão é a do palácio de HADES, o deus do submundo. Dá pra ver HADES, sua esposa PERSÉFONE (dizem que ela é terrível) e o cachorro que guarda a entrada do submundo. O nome desse cachorro é CÉRBERO. Ele tem três cabeças e faz o tipo pit bull. Assustador também.


O TÁRTARO ainda é habitado pela famigerada ESTIGE. Os deuses olimpianos a repugnam. Na verdade, ESTIGE é o grande juramento dos deuses. ZEUS a concedeu esse dom supremo simplesmente porque ela o ajudou na guerra de TITÃS. À propósito ela é filha do TITÃ OCEANO e é a líder das suas irmãs, as três mil ninfas oceânides. Ela também tem um palácio chiquíssimo de colunas de prata. E tem sua própria fonte da qual jorra uma espécie de água gelada, a do juramento. E toda vez que ocorria briga, discórdia ou mentira no Olimpo, ZEUS ordenava que a mensageira ÍRIS fosse apanhar um pouco dessa água de ESTIGE, num jarro de ouro. A água devia ser respingada pelos problemáticos que brigassem ou mentissem. E os problemáticos deviam fazer uma jura, ao espargir a água. Se jurassem falso, ah... estavam ferradíssimos. A punição era severa. Áspera. Um ano em estado de torpor. Embotamento. O deus não podia comer néctar e nem ambrosia (comida dos deuses). Um ano em estado mórbido, inerte, sentindo aquele cheiro fétido do TÁRTARO. Findado aquele ano, seguiam-se nove anos longe do Olimpo. Ou seja, nove anos sem o status de deus. Do jeito que os olimpianos eram egocêntricos e megalomaníacos, esses dez anos eram, realmente, o cúmulo do sofrimento. Nada poderia ser pior.


Emfim, neste lugar tenebroso estavam todos os confins e todas as fontes torturantes, e bolorentas, do mundo. É mesmo o lugar dos muito infelizes e sofredores intermitentes. E pensando bem, eu teria uma lista enorme de figuras para desovar no TÁRTARO, com todo prazer do mundo e do submundo. Exemplo: Mubarak, Kadafi, Bin Laden, Vera Lúcia (procuradora), Cristiane Ristoff (assassinou os pais), os Nardoni, o time do mensalão, Collor, Bruno do Mengo, Roger Abdelmassih (médico estuprador)... E você, quem jogaria no TÁRTARO ?


Bibliografia:

HESÍODO – Teogonia, A Origem dos Deuses, estudo e tradução de Jaa Torrano. Editora Iluminuras Ltda. 2009.

Share:

0 Ossos Lançados:

Tecnologia do Blogger.

Sobre Esta Cova







Inomináveis Saudações a todos!



Este é o blog do Projeto Companhia De Organizadores De Viagens Abissais (C.O.V.A.), o qual é totalmente voltado para a Arte Sombria, em suas manifestações através da Poesia, Literatura, Pintura, Desenho, Ilustração, Arte Digital, Música, Escultura, Arquitetura, Cinema e novas expressões artísticas e intelectivas que a todo o momento brotam das mentes dos que abordam tal temática. Com o intuito de reunir o máximo possível de artistas e interessados na mesma, então, aqui fundo este blog para divulgar o trabalho realizado nas páginas de mesmo nome existente no Forumeiros, além da elaboração de postagens com assuntos que não está no mesmo disponível.



Bem-vindos, Coveiros e visitantes!



Bem-vindos, cadáveres leitores!



Saudações Inomináveis a todos!



Inominável Ser

O COVEIRO

ADMINISTRADOR



Os Escribas Coveiros

Enterram-Se Nesta Cova:

Blog Archive

Labels

Covas Recomendáveis

Parcerias

Meu Perfil No Facebook

Lápides Eternamente Inderrubáveis

Recent Posts

Unordered List

Inomináveis Saudações! Escolham um de nossos banners e tornem-se Parceiros do Projeto C.O.V.A., enviando-nos o banner e o link de vosso trabalho para este endereço de e-mail: projetocova@gmail.com Design por Laracna D'Angels

Theme Support