14 de novembro de 2009

Konstantin Alexandroff






Scarlet




Indescridable Irresistible




Lust On Red




Disturbing Behavior


Modelo: Anna Leo



Inomináveis Saudações a todos vós, Coveiros!

A genuína euforia anuncia que sou um extremo e profundo fã da obra fotográfica de Konstantin Alexandroff, um dos melhores fotógrafos que encontrei no magnífico DirtyAngels.Net. Konstantin tem 28 anos de idade, é natural da Rússia e residente na cidade de Moscou; a sua especialidade artisticamente fotográfica transita através da maior das apreciações estéticas acerca da Feminilidade: O Poder Feminil, O Ar Feminil, O Ser Feminil. Não se tratando de meras pin-up's ou fetish models, notamos que as modelos, nas fotos por ele tiradas, possuem uma explosiva intensidade mágica e esotérica que, mesmo não sendo este o objetivo inicial da sua arte de fotografar, sintoniza-se com o nosso mais apurado e conceptivo estético-analítico olhar. Olhar que aconchega-se nas proporções a mais das imagens geradas e não se contenta apenas na roupagem exterior, nos detalhes que podemos encontrar nas bancas de jornais todos os dias através das “revistas de muié pelada”. Não, Coveiros, Konstantin trabalha uma conceituação artística que elabora um plano maior de visualização e apreciação das fotos que a sua talentosa forma de artisticamente proceder faz surgir tremendamente esplendorosa.

O vermelho e o negro são as cores principais mais vistas nas fotos dele. O Vermelho, A Paixão Brutal. O Negro, A Paixão Cega. Equilíbrio exigido pela esfera interna, nas possibilidades de positivas mensagens do Vermelho, de positivas mensagens do Negro. Equilíbrio fecundante da pele das modelos fotografadas, transparecendo-as como partes de um sonho que nos aguarda no Vermelho, de um sonho que nos aguarda no Negro. Equilíbrio vitalizante da roupagem de sonhos proporcionados pela Força Do Vermelho, pela Força Do Negro. Equilíbrio exaltante das essencialidades distintivas das formas geracionais das virtudes do Vermelho, das virtudes do Negro. Equilíbrio transcendentalista das vozes que ditam as carregadas operações do Vermelho, as carregadas operações do Negro. Equilíbrio Do Vermelho. Equilíbrio Do Negro. A Balança Equilibrante Dos Internos Pólos. A Balança, Na Mulher, Entre O Vermelho E O Negro, Provocando O Carnal Amor Da Sublime Citação Do Livro Equilibrante Das Formas! Vermelho... Negro... Brutalidade... Cegueira... Vermelho+Negro... Equilíbrio formando os conceitos... Equilíbrio formando as razões... Equilíbrio formando as noções... Equilíbrio formando as gerações... Equilíbrio: Conceitos da aceitação da carnal violência, a pele pacifica-se. Equilíbrio: Razões da implantação da aceitação da carnal cegueira, a pele harmoniza-se. Equilíbrio: Noções da reforma necessária à aceitação do próprio Carnal Equilíbrio. Equilíbrio: Gerações da forma necessária ao estabelecimento da construtividade proporcionada pelo próprio Carnal Equilíbrio.

Carne...

Vermelho Equilíbrio!

Carne...

Negro Equilíbrio!

Carne...

O Todo Equilibrado!

Carne...

O Nada Equilíbrado!

Carne...

O Profundo Equilibrado!

Carne...

O Augusto Equilibrar!

Carne...

Vermelho, Vejam...

Carne...

Negro, Vejam...

Carne...

Vermelho, Respirem...

Carne...

Negro, Respirem...

Carne...

Vermelho+Negro!

Carne!

O Tempero Perfeito!

Konstantin Alexandroff servindo-nos todos os pratos muitíssimo bem equilibrados!


Doombringer



O frio,
a morte
do ontem,
a morte
do hoje,
a morte
do amanhã.

O frio,
revejo
hoje,
revelo
hoje,
pela fria
manhã.

O frio,
tempero
hoje,
tempero
sempre,
seguindo a voz
da maça.

O frio,
mordidas na maça,
pensamentos
de amor
na fria sina
do meu
caminhar.

O frio,
tu estás longe
de mim,
eu quero
chorar,
e preciso
não cair.

O frio,
a cama,
a neve,
fria cama,
fria neve,
minha pele
chamando-te...

O frio
abraçando-me,
eu gritando,
tu gritando,
fria amada,
quente amada
ou morna amada?

Inominável Ser
SENTINDO
FRIO
E DESEJANDO
A SUA
INDECIFRÁVEL AMADA





Dead Winter


Modelo: Celebration
Share:

0 Ossos Lançados:

Tecnologia do Blogger.

Sobre Esta Cova







Inomináveis Saudações a todos!



Este é o blog do Projeto Companhia De Organizadores De Viagens Abissais (C.O.V.A.), o qual é totalmente voltado para a Arte Sombria, em suas manifestações através da Poesia, Literatura, Pintura, Desenho, Ilustração, Arte Digital, Música, Escultura, Arquitetura, Cinema e novas expressões artísticas e intelectivas que a todo o momento brotam das mentes dos que abordam tal temática. Com o intuito de reunir o máximo possível de artistas e interessados na mesma, então, aqui fundo este blog para divulgar o trabalho realizado nas páginas de mesmo nome existente no Forumeiros, além da elaboração de postagens com assuntos que não está no mesmo disponível.



Bem-vindos, Coveiros e visitantes!



Bem-vindos, cadáveres leitores!



Saudações Inomináveis a todos!



Inominável Ser

O COVEIRO

ADMINISTRADOR



Os Escribas Coveiros

Enterram-Se Nesta Cova:

Blog Archive

Labels

Covas Recomendáveis

Parcerias

Meu Perfil No Facebook

Lápides Eternamente Inderrubáveis

Recent Posts

Unordered List

Inomináveis Saudações! Escolham um de nossos banners e tornem-se Parceiros do Projeto C.O.V.A., enviando-nos o banner e o link de vosso trabalho para este endereço de e-mail: projetocova@gmail.com Design por Laracna D'Angels

Theme Support