8 de fevereiro de 2009

TRIBUTO AOS 200 ANOS DO NASCIMENTO DE EDGAR ALLAN POE - 1809-2009 - In: 19 de janeiro de 2009




Inomináveis Saudações a todos!

Quase que esta data passa em branco, despercebida, neste dia de hoje, o que seria um grande crime de minha parte. Mas, como ainda está em tempo, deixo aqui uma homenagem a Edgar Allan Poe, nascido aos 19 de janeiro de 1809, data que no dia de hoje alcança 200 anos. 200 anos de Annabel Lee. 200 ano de O Corvo. 200 anos de O Gato Preto. 200 anos da Poesia e da Literatura de Poe, pois um Verdadeiro Criador já tem em si todas as sementes da obra que desenvolverá.

Minha homenagem...


E Voa O Corvo Pelos Horizontes Das Trevas

Vem uma ventania poderosa
Dos Recantos Sombrios Da Terra
E uma Alta Música Mórbida
Enaltece Os Pais Das Trevas

O Violino Do Diabo
É tocado pela
Diaba Desconhecida
Em tom macabro

O meu amigo Diabo
Escreve um poema
Acima do cadáver
De um padre tarado

Eu ouço tudo
E sigo a Sinfonia Das Trevas
E avisto na névoa
Um amigo de antigas Eras

Ele caminha de negro
Com O Grande Corvo pousado
Em seu ombro esquerdo
E traz mais Trevas

Ele caminha seguido
Pelos esqueletos andantes
Dos Cemitérios Sagrados
Das Eras Perdidas

Ele caminha até mim
Com os seus olhos
De negro abismal
Que me devoram

Ele caminha até mim
Espalhando pelo ar
O odor das Coisas
Que Vagam Nas Trevas

Ele caminha até mim
E eu o conheço
Ele é Edgar Allan Poe
Que senta-se em minha cova

Poe declama
A Tenebrosa Poesia
Das Trevas Mortas
Da Desgraça

Poe declama
A Gloriosa Poesia
Das Trevas Vivas
Da Miséria

Poe declama
A Eterna Poesia
Das Trevas Que Nascerão
Da Maldição

Poe declama
Eu declamo junto
A Infinita Poesia
Do Vale Dos Poetas Perdidos

Amigos poetas
Amigos perdidos
Entoamos nesta Cova
A Rica Poesia Do Abismo

E O Grande Corvo
Com Seu Canto
Chama Alegre
Ao Povo Do Abismo


E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS

E VOA O CORVO PELOS HORIZONTES DAS TREVAS


Inominável Ser
PARA SEU
ETERNO AMIGO
EDGAR ALLAN POE





Voem com O Grande Corvo e deixem aqui as vossas homenagens!



Share:

0 Ossos Lançados:

Tecnologia do Blogger.

Sobre Esta Cova







Inomináveis Saudações a todos!



Este é o blog do Projeto Companhia De Organizadores De Viagens Abissais (C.O.V.A.), o qual é totalmente voltado para a Arte Sombria, em suas manifestações através da Poesia, Literatura, Pintura, Desenho, Ilustração, Arte Digital, Música, Escultura, Arquitetura, Cinema e novas expressões artísticas e intelectivas que a todo o momento brotam das mentes dos que abordam tal temática. Com o intuito de reunir o máximo possível de artistas e interessados na mesma, então, aqui fundo este blog para divulgar o trabalho realizado nas páginas de mesmo nome existente no Forumeiros, além da elaboração de postagens com assuntos que não está no mesmo disponível.



Bem-vindos, Coveiros e visitantes!



Bem-vindos, cadáveres leitores!



Saudações Inomináveis a todos!



Inominável Ser

O COVEIRO

ADMINISTRADOR



Os Escribas Coveiros

Enterram-Se Nesta Cova:

Blog Archive

Labels

Covas Recomendáveis

Parcerias

Meu Perfil No Facebook

Lápides Eternamente Inderrubáveis

Recent Posts

Unordered List

Inomináveis Saudações! Escolham um de nossos banners e tornem-se Parceiros do Projeto C.O.V.A., enviando-nos o banner e o link de vosso trabalho para este endereço de e-mail: projetocova@gmail.com Design por Laracna D'Angels

Theme Support